segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Resenha: Aquele Verão

.
''Na Minha Estante'' Assegura: A resenha a seguir está completamente livre de Spoilers... Leia sem Moderação e divirta-se!
.
Sinopse:
.
Há muita coisa acontecendo na vida de Haven... 
.
Primeiro, o casamento do pai com Lorna Queen, a “Mulherzinha do Tempo” da televisão local. Depois, o casamento da irmã Ashley com o chato Lewis Warsher, que não parece combinar com Ashley de jeito algum. Haven também não consegue ignorar o fato de ter quase um metro e oitenta e cinco de altura e ainda continuar crescendo. Ela mal consegue ver quem ela é agora ou onde ela pode se ajustar.
.
Então, o antigo namorado de Ashley, Sumner Lee, aparece e reacende as lembranças de Haven do verão quando seus pais eram felizes, a irmã era descolada e despreocupada, e tudo era perfeito... ou pelo menos assim parecia.
.
O que eu achei?
.
E a minha última leitura de novembro foi finalmente o meu primeiro contato com Sarah Dessen. Decidi conhecer a autora justamente pelo primeiro livro que ela escreveu, e mesmo com todos os avisos de que este seria a obra mais fraca, para mim foi uma ótima experiência.
.
Quero dizer, sem sombra de dúvidas, Aquele Verão não é um livro incrível. Talvez por ter apenas 200 páginas, a história que ele traz é bem simples e direta. Tudo acontece em prol do insight final da personagem, quase como uma fábula adolescente contemporânea... Mas achei a mensagem que este livro traz tão boa (e o final foi tão emocionante, de fato) que mesmo ele não tendo grandes cenas marcantes ou reviravoltas de explodir a cabeça, eu fechei o livro com uma sensação de contentamento.
.
Um ponto positivo de Aquele Verão é que o foco dele não é o romance. Para ser sincero, nem sei se posso chamar o que aconteceu de romance... Mas isto não importa. Pois o foco todo ali foi o crescimento da Haven, em como ela lidava com as férias em que sua vida mudava. E as coisas acontecem da forma mais natural possível. Outro ponto digno de nota foi a forma não hipócrita que a autora lida com o relacionamento da personagem e o pai. O tema é basicamente o mesmo de "Probabilidade Estatística do Amor a Primeira Vista", mas aqui não existem soluções utópicas e extremamente forçadas... É só a vida e a personagem tendo que lidar com o que aconteceu - no que eu bati palmas para a autora.
.
Enfim, como eu disse, Aquele Verão pode não ser a leitura mais marcante da sua vida. Mas ele cumpre o seu propósito. Ele, ao final, diz exatamente por qual motivo foi escrito. E, para mim, isto foi o bastante.
.
.
Sobre a autora:
.
Sarah Dessen nasceu em Evanston, Illinois, em 06 de junho de 1970. Ela se mudou com sua família para Virgínia Ocidental, e em seguida, na Carolina do Norte, onde agora reside com o marido, a filha Sasha Clementine, e cães. Dois de seus primeiros romances, That Summer e Someone Like You, foram a base para How to Deal, um filme de 2003 estrelado por Mandy Moore.
.
TÍTULO:  Aquele Verão
TÍTULO ORIGINAL: That Summer
PÁGINAS: 200
AUTOR(A): Sarah Dessen
EDITORA: iD
NOTA: 3 estrelas

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...