sexta-feira, 6 de março de 2015

Resenha: Sem Esperança

.
''Na Minha Estante'' Assegura: A resenha a seguir está completamente livre de Spoilers... Leia sem Moderação e divirta-se!
.
Sinopse:
.
Assombrado pela culpa e pelo remorso por não conseguir salvar sua amiga Hope nem sua irmã Less, Holder desenvolveu uma personalidade agressiva. Mas, quando finalmente se depara com Hope depois de tantos anos, não poderia imaginar que o sofrimento seria ainda maior após o reencontro.
.
Em Sem esperança, o jovem Dean Holder revela como os acontecimentos da infância de Hope, que agora se chama Sky, afetaram sua vida e sua família, fazendo-o buscar a própria redenção na possibilidade de salvá-la. Mas é apenas amando Sky que ele finalmente será capaz de começar a se reconciliar com si mesmo.
.
O que eu achei?
.
Sabe quando você acredita que está tendo uma ideia brilhante, e no fim, percebe que aquilo não foi a coisa mais inteligente que já fez na vida? Basicamente, foi esta a minha relação com "Sem Esperança", de Colleen Hoover - lançamento de fevereiro da editora Galera. Por saber que esta continuação de "Um Caso Perdido" era em suma a mesma história de seu antecessor, eu acreditei de verdade que era tudo bem "começar pelo segundo". Afinal, eu já tinha lido no ano passado "Finding Cinderella", uma novela com os amigos dos protagonistas da trama principal. E, pela sinopse deste, já poderia prever a grande reviravolta que todos tanto falavam sobre "Um Caso Perdido"... Mas, eu não poderia estar mais enganado. E eu ODEIO estar errado. Ainda mais quando o culpado por uma conclusão equivocada foi eu mesmo.
.

Pois sim, foi um equívoco começar a série pelo ponto de vista do Holder. Pois, antes de mais nada, por mais que o personagem tenha a sua importância em todos os acontecimentos (e um deles, em suma, traz consequências bem sérias para o personagem), esta história não é dele. A história é de Sky. Então eu acabei conhecendo os fatos, sabendo como os dois se encontraram, como o rapaz viu a vida da garota se transformar completamente e como a sua própria vida muda depois das descobertas que ele faz, mas nós não temos o principal: As reações da Sky. Os seus sentimentos. A sua confusão. Pois, ao conhecer a história pela narração do Holder, é como se víssemos tudo através de um espelho invertido. Vemos o desenrolar, mas não tocamos. Não nos inserimos. E isto é horrível. 
.
É horrível pois a história É boa! Os tópicos que a Colleen Hoover aborda são delicados e impactantes. A personalidade da Sky é cativante, com suas incongruências e suas respostas rápidas e impertinentes para o Holder. Mas... Por uma ideia idiota que eu tive, simplesmente sabotei toda a minha experiência de leitura da série. Pois sim, "Sem Esperança" conta a mesma história de "Um Caso Perdido". Mas ele é apenas um complemento. Um apêndice. O que significa que eu via a autora passar rapidamente por alguns acontecimentos - muitos destes que eu sentia que deveriam ter a sua importância - mas como o foco daquilo era a Sky, e o protagonista aqui é o Holder, eu só podia concluir: Tudo bem, ela trabalhou este momento melhor no primeiro livro. E, sinceramente, esta é uma sensação frustrante. 
.
Outro fato que devo ressaltar aqui é a minha opinião sobre o narrador. Na primeira metade do livro, achei o Holder um completo babaca. Tudo bem, ele estava passando por um momento difícil. Tinha acabado de perder sua irmã gêmea. Mas, nas 100 primeiras páginas, isto parece ser uma desculpa para o rapaz se comportar da forma mais idiota possível. Ele toma atitudes hipócritas, ameaça um professor, briga com o pai quando está errado, e eu ficava me perguntando: Como as pessoas podem gostar deste cara? Então ele conhece a Sky. E click!, ele se transforma. Ok, sabemos por que ele tem esta reação tão exacerbada com relação a garota. Mas achei todo o processo de "transformação" do personagem apressado demais. Incoerente demais. Então, mais uma vez me perguntei: Será que, se eu não conhecesse este Holder antes, eu não teria sido mais condescendente com ele no começo de "Sem Esperança"? E a minha resposta para esta pergunta é: Sim! Pois, o meu maior problema, é que eu não conhecia o seu melhor lado... Então, começar a narrativa e logo dar de cara com o seu pior só serviu para me afastar do personagem. E, repito: Esta foi uma falha totalmente minha.
.
Mas tudo bem, tirando este desabafo, como eu dei a entender... O livro é bom, sim. A narrativa da Colleen Hoover é muito gostosa e fluída, e você acredita de verdade que aquele texto foi escrito por um rapaz de 18 anos. A ideia dos capítulos também serem divididos entre a narração em primeira pessoa e em cartas que o personagem escreve para a irmã também deu um ritmo maior a leitura. Mas eu preciso complementar: "Sem Esperança" é um apêndice! Sua função não é nos aprofundar nos fatos, e sim conhecermos mais do Holder e como tudo - desde a morte da gêmea ao encontro com Sky - afetou a sua vida.
.
Por isso, devo dizer que isto não pode ser considerado uma resenha. Na verdade, é mais um desabafo. E um alerta. E um apelo em que clamo em caixa alta: POR FAVOR, NÃO COMETAM O MESMO ERRO QUE EU. Leiam "Um Cado Perdido" antes. Nem por um momento tentem começar de outra forma. Acredito que todas as sensações que a narrativa irá passar vão ser muito maiores do que o que eu senti ao ler "Sem Esperança" estando completamente virgem. Foi um erro idiota e totalmente meu. E isto me deixa extremamente irritado. O que significa que, sim, é lógico que vou ler "Um Caso Perdido". Pois tanto a história quanto a Sky merecem que eu conheça o seu lado, a sua visão de mundo, o seu cotidiano. E quem sabe assim, a minha relação com o Holder não melhore também?! 
.
.
Sobre a autora:
.
Colleen Hoover nasceu 11 de dezembro de 1979, em Sulphur Springs, Texas. Ela cresceu em Saltillo, Texas, e formou-se a partir de Saltillo High School, em 1998. Em 2000, ela se casou com Heath Hoover, com quem ela já tem três filhos e um porco chamado Sailor. Hoover formou na Texas a & M-Commerce com uma licenciatura em Serviço Social. Ela trabalhou vários trabalhos de ação social e de ensino, até que ela começou sua carreira como escritora.
.
TÍTULO:  Sem Esperança
TÍTULO ORIGINAL: Losing Hope
SÉRIE: Hopeless
PÁGINAS: 320
AUTOR(A): Colleen Hoover
EDITORA: Galera
NOTA: 3 estrelas

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...