domingo, 16 de dezembro de 2012

Coluna: Julgando Livros Pela Capa #8

.
Nossa, fazia tempos que este post já estava com tudo preparado para ir ao ar, mas decidi segurar ele um pouquinho e deixá-lo como um especial para o fim do ano.
.
O livro ''Gone'' foi uma das minhas melhores leituras do ano passado. Eu li ele através de ebook, mas desde então eu venho correndo atrás dele na forma física, pois é uma série que merece estar na minha estante - o que ainda não aconteceu, pois é uma série realmente, REALMENTE, muito cara! Enfim, eu já estou com o ebook de ''Fome'' no meu tablet, mas como forma de falar um pouquinho mais sobre a série do Michael Grant, resolvi dedicar este ''Julgando Livros Pela Capa'' de festas para o primeiro e maravilhoso volume da história.
.
.
EUA: Muita gente não gosta desta capa, mas eu - como sou estranho, e adoro ser do contra - gosto bastante... Sei lá, ela passa um ar meio cinematográfico, e eu acho isto legal. Tudo bem que este Sam e esta Astrid não chegam nem perto do que eu tenho em mente (sem falar que eles parecem ser mais velhos do que os personagens realmente são), mas enfim, perto do resto, eu não ligo...
.
Brasil: Eu tenho uma predileção maior por esta capa pois eu ajudei à escolhê-la. Antes de publicar o livro por aqui, a editora Galera abriu uma votação entre três designers para decidir qual seria a arte de Gone por aqui, eu votei justamente nesta. Eu fiquei muito feliz que, no final, ela acabou sendo a vencedora, e sinceramente acho que é a capa mais bonita da série, em todo o mundo.
.
.
Reino Unido: Como sempre, a editora britânica optou por uma arte mais minimalista e um tanto conceitual. Mas eu não tenho uma opinião muito formada sobre ela. Sei lá, apesar de ser ''ok'' - já que cada volume tem a ''sombra'' de um dos personagens, o que é uma ideia interessante - sempre que eu olho para ela individualmente me parece que está faltando algo.
.
Espanha: A capa espanhola segue o mesmo estilo mais ''cinematográfico'' da versão americana, só que com mais elementos visuais. Nós temos os nossos protagonistas, a cúpula que rodeia o Lgar e uma menina aleatória no topo que eu não faço a mínima ideia de que quem seja. Mas, mesmo assim, ela não me agradou. Os modelos parecem ser bem mais velhos que os personagens, e achei o alinhamento de tudo na arte meio aleatório.
.
.
Alemanha: A capa alemã de Gone é um verdadeiro Samba do Crioulo Doido. Ela contém as imagens da arte americana em baixo, e a parte de cima parece um apanhado da capa brasileira final junto com as que fizeram parte da votação. O resultado final ficou esquisito e extremamente poluído. De verdade, achei uma bela ideia desperdiçada com um trabalho feio. Uma pena.
.
Lituânia: Já a editora da Lituânia preferiu seguir com um modelo parecido com o americano, porém obteve um resultado mais feliz. Os modelos realmente aparentam ter a idade apresentada pelos personagens no livro, e também achei legal o fato de ter uma espécie de campo de força ao redor deles - o que exprime bem o conceito do livro. Gostei!
.
E vocês, o que acharam das capas?!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...