sábado, 8 de setembro de 2012

Resenha: Três Metros Acima do Céu

''Na Minha Estante'' Assegura: A resenha a seguir está completamente livre de Spoilers... Leia sem Moderação e divirta-se!
.
Sinopse:
.
A paixão do mais improvável dos casais, Babi, uma patricinha de Roma, e Step, um motoqueiro bad boy, é a trama de Três Metros Acima do Céu , um romance que conquistou a juventude italiana, a ponto de, durante anos, circular em cópias xerocadas entre os leitores. Para viver o primeiro amor com toda sua intensidade, os protagonistas tentam se modificar, enquanto enfrentam a oposição da família da menina, o estranhamento dos amigos, as dificuldades de acertar o próprio relacionamento e de amadurecer. 
.
Babi, a excelente aluna de boa família, assusta os pais ao deixar de obedecer cegamente às convenções que até então regulavam sua existência, enquanto Step se surpreende ao perceber que o amor vai obrigá-lo a abandonar velhos hábitos e tratar com respeito a namorada que se prepara para seguir uma carreira universitária, algo muito distante do que o destino reservou para o jovem delinqüente. Entre pegas de moto, festas que varam noites, tatuagens, brigas homéricas, provas desesperadas de afeto e uma tragédia que mudará para sempre suas vidas, Step e Babi vivem uma incrível história de amor, cheia de reviravoltas e sentimentos à flor da pele, aquele tipo de paixão que só pode ser vivida quando se tem dezessete anos e acredita-se que tudo ainda é possível.
.
O que eu achei?
.
Confesso que comecei à ler ''Três Metros Acima do Céu'' com muito receio. A sinopse dele me lembrou e muito a trama de ''Química Perfeita'' (um dos meus queridinhos máximos do ano passado), e eu estava com uma sensação de que o livro não ia chegar nem perto do que eu senti com o romance de Simone Elkeles... Só que o que aconteceu foi justamente o contrário, e eu me vi perdidamente apaixonado pelo volume. A história me conquistou de formas inimagináveis, e o casal de protagonistas me ganhou tanto quanto a Brit e o Alex. 
.
Por falar no casal, uma coisa que se pode dizer de Babi e Step é que eles possuem uma personalidade forte. Nos primeiros capítulos, tive medo de não conseguir me conectar à eles devido às características impulsivas dos dois (Que sempre me faziam discutir com eles mentalmente, enfim...) mas  - no fim - foi justamente isto que me fez gostar tanto deles.  Ela é a típica filha de família tradicional italiana e ele é um ''líder de gangue'' que na verdade só é um fruto de uma família desestruturada. Os momentos dos dois juntos, seja discutindo ou trocando declarações de amor, eram sempre muito  intensos. E, querendo ou não, é o carisma dos dois que nos levam através das páginas.
.
Outro detalhe legal também é que os coadjuvantes não passam despercebidos. Eu sempre me divertia bastante quando a Dani, irmã da Babi, e o Pollo e a Pallina, que são os amigos do casal, surgiam nas páginas, e eu sempre me interessava em saber o que estava acontecendo com eles também. Geralmente isto não acontece comigo, mas eu estava tão mergulhado naquele cotidiano que foi como se todos eles passassem à ser meus conhecidos também.
.
A narrativa do Federico Moccia é bem incomum, e com um ritmo bem louco e com emoções à flor da pele, mas eu me prendi tanto à história que eu nem liguei. Para vocês terem uma ideia, o Sr. Moccia escreve em 3ª pessoa, mas muda de perspectiva de personagem como se mudasse de canal... O autor também conseguiu retratar a juventude italiana muito bem, de uma forma honesta, desbocada e sem esteriótipos, e ele te conduz tão bem pelas ruas de Roma que, mesmo se você não conhecer uma esquina sequer da cidade (assim como eu) ao chegar no final do livro, vai se sentir praticamente em casa.
.
Recheado de corridas ilegais, fugas da polícia, brigas homéricas, discussões familiares, apostas inconsequentes e muita música italiana, ''Três Metros Acima do Céu'' roubou o meu coração de assalto, e não me devolveu. Eu simplesmente ri, chorei, me encantei e mergulhei por completo na relação à 150 km/h de Step e Babi, e quase que não me recupero da experiência. Com certeza foi um livro que me surpreendeu, e se tornou uma das minhas melhores leituras do ano.
.
Meus quotes favoritos:
.
''- Engraçadinho.
 - Então vamos fazer o seguinte: amanhã você traz o dinheiro, faz a reserva em algum lugar bacana e eu venho te buscar. Está bem assim?
 - Imagine se eu vou sair com você!
 - Bom, ontem você saiu, e ficou até bem grudada.
 - Idiota.
 - Suba logo. Vou te levar para casa.
 - Retardado.
 - Será possível que só sabe xingar? Uma boa menina como você, de uniforme, que estuda toda comportada na Falconieri e que depois de porta deste jeito! Você tem de concordar comigo que isso não fica nada bem!
 - Babaca.''
Página 109 e 110.
.
''- Estou feliz. Nunca me senti tão bem na minha vida. E você?
 - Eu? - Step a abraça com força - Melhor do que nunca.
 - A ponto de poder alcançar o céu?
 - Não exatamente.
 - Como assim?
 - Estou a pelo menos três metros acima dele.''
Página 329
.
''E lá em cima, onde só os amantes podem chegar, está escrito: Eu e você... Três metros Acima do Céu.''
Página 330
.
Para ler escutando:
.
Música: Forever Young - Artista: Alphaville
Música: The One that Got Away - Artista: Katy Perry
.
Sobre o autor:
.
Federico Moccia nasceu em Roma, em 1963. Trabalha como cenógrafo em cinema e como argumentista em televisão. É autor de vários livros, já traduzidos em doze línguas e todos eles grandes best-sellers entre os leitores jovens de todo o mundo. 
.
Moccia combina um estilo rápido, ligeiro e coloquial com uma descrição de situações muito próxima da elaboração de um guião cinematográfico, o que dota a sua escrita de uma grande fluidez. As frequentes alusões a referências culturais, sem descurar a intensidade dos sentimentos e as atitudes rebeldes que caracterizam a adolescência, são os seus trunfos para captar a atenção dos leitores.
.
TÍTULO:  Três Metros Acima do Céu
TÍTULO ORIGINAL: Tre Metri Sopra Il Cielo
SÉRIE: Três Metros Acima do Céu
PÁGINAS: 359
AUTOR(A):  Federico Moccia
EDITORA: Rocco
NOTA: 4,5 Estrelas

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...