domingo, 16 de setembro de 2012

Resenha: Sendo Nikki

.
''Na Minha Estante'' Assegura: A resenha a seguir está completamente livre de Spoilers... Leia sem Moderação e divirta-se!
.
Sinopse:
.
AS COISAS NÃO ESTÃO BEM PARA EMERSON WATTS. 
.
Em tinha certeza absoluta de que não havia nada pior do que ser uma nerd presa no corpo de uma supermodelo adolescente. Mas acontece que ela estava errada. De repente, Emerson descobre que Nikki tem uma mãe que está misteriosamente desaparecida, um irmão que surgiu na sua porta cobrando respostas, um ex-melhor amigo que pretende destruir a Stark Entreprises, e um admirador britânico não tão secreto que está no topo das paradas de sucesso com uma música escrita para ela. 
.
Como Em pode equilibrar todos esses problemas e ainda lidar com a escola e os desfiles e sessões de foto? Especialmente com antigos namorados de Nikki aparecendo o tempo todo, querendo mais do que só uma lembrancinha, uma irmã que vai fazer qualquer coisa para entrar no campeonato de líderes de torcida, e com a empresa que paga seu salário aparentemente indo para o lado negro... Sem contar que ela ainda precisa convencer o amor de sua vida de que modelos não são umas cabeças de vento... e uma delas, em especial. 
.
MAS NINGUÉM DISSE QUE ELA SE DARIA BEM SENDO NIKKI.
.
O que eu achei?
.
Definitivamente, esta é uma das melhores séries da Meg Cabot. Se com apenas a leitura de ''Cabeça de Vento'' (resenha aqui) eu já suspeitava disto, após ''Sendo Nikki'' eu tive certeza. O livro é uma mistura de thriller sci-fi, com comédia e romance adolescente que dá certo - repleto, é claro, das referências hilárias à cultura pop atual que só a autora sabe fazer (e muito bem, por sinal!).
.
Uma coisa bem leal deste livro é que várias perguntas que ficaram no ''ar'' no final do primeiro volume já são respondidas neste. Tudo bem que algumas delas eu até já suspeitava desde o princípio, mas outras me deixaram realmente de boca aberta. A história presente nesta continuação é repleta de reviravoltas surpreendentes e, durante a narrativa, vários personagens revelam nuances até então desconhecidas (o que, em alguns casos, foi incrível. Já em outros - um em especial - foi completamente terrível).
.
Eu simplesmente não consegui largar o livro de jeito nenhum. Peguei ele de manhã e à noite eu já estava nas últimas páginas. O que - devo confessar - foi um grande erro... Pois o terceiro e último livro da trilogia (Fugitiva) ainda não foi lançado por aqui. E ''Sendo Nikki'' possui um dos finais mais ''Como Assim, Meg?!'' que a autora já fez em um livro. Não que ele seja horrível, muito pelo contrario, mas por ser de cortar o coração em milhões de pedaços tão minúsculos quanto uma partícula de poeira. E te deixar aflito. E querendo por mais, muito mais (o que me deixa uma pergunta: Por quê eu simplesmente não comprei logo ele em inglês  e acabe com esta agonia ? Acho que a resposta é que sou meio sádico, e esta espera meio que ajuda no clima).
.
Meus quotes favoritos:
.
''Era isso que ele queria de mim?, era tudo o que eu conseguia pensar. Uma droga de um login e uma senha?
   Era tão típico, por que eu estava surpresa? Afinal o cara tem uma foto de uma garota morta na sua estante. Não uma foto pequena, mas uma 20x25 cm brilhante, com olhos que seguiam você para onde quer que fosse.
  Ótimo, agora estou começado à ter ciúmes de mim mesma.''
Página 117
.
''Eu sabia o que fazer. (...) Eu não tinha escolha. Tinha que aceitar tudo, por que os Howard eram minha família agora e eu tinha que protegê-los, do mesmo modo que precisava proteger meus pais de verdade. Uma família não era simplesmente formada pelas pessoas que criaram você. Uma família não era simplesmente formada pelas pessoas que tinham o mesmo sangue que o seu correndo em suas veias.
  Uma família era feita por pessoas que precisavam de você. Pessoas que não tinham nada enquanto você tinha tudo.
  Você tem que fazer o que é certo, por eles. Você tem que fazer, mesmo que isso destrua o seu coração.''
Página 316
.
Para ler escutando:
.
Música: Fly on The Wall - Artista: Miley Cyrus
Música: Uprising - Artista: Muse
.
Sobre o autor:
.
Meggin Patricia Cabot, mais conhecida pela abreviação Meg Cabot ou Patricia Cabot ou pelo seu pseudônimo Jenny Carroll (Bloomington, 1 de fevereiro de 1967), é uma escritora estadunidense. 
.
É mundialmente famosa por ser autora de mais de 60 livros, dentre os quais seu maior bestseller é a série de dez volumes O Diário da Princesa. Atualmente Meg vive com seu marido e sua gata de um olho só chamada Henrietta em Nova Iorque.
.
Quando jovem, Meg passava horas a fio lendo as obras completas de Jane Austen, Judy Blume e Barbara Cartland. Munida com seu diploma de graduação em Artes na Universidade de Indiana, Meg se mudou para Nova Iorque, com a intenção de seguir uma carreira de ilustradora autônoma. A ilustração, entretanto, logo cedeu lugar à verdadeira paixão de Meg - a composição literária.
.
TÍTULO:  Sendo Nikki
TÍTULO ORIGINAL: Being Nikki
SÉRIE: Cabeça de Vento
PÁGINAS: 319
AUTOR(A):  Meg Cabot
EDITORA: Galera
NOTA: 4,5 Estrelas

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...