segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Resenha: Fifty Shades of Grey

''Na Minha Estante'' Assegura: A resenha a seguir está completamente livre de Spoilers... Leia sem Moderação e divirta-se!
.
Sinopse:
.
Quando Anna Steele entrevista o jovem empresário Christian Grey, descobre nele um homem atraente, brilhante e profundamente dominador. 
.
Ingênua e inocente, Ana se surpreende ao perceber que, a despeito da enigmática reserva de Grey, está desesperadamente atraída por ele. Incapaz de resistir à beleza discreta, à timidez e ao espírito independente de Ana, Grey admite que também a deseja – mas em seu próprios termos.
Advertência: O livro apresentado na resenha a seguir possui material apropriado apenas para maiores de 18 anos.
O que eu achei?
Eu demorei muito para fazer a review deste livro, pois tenho muitos problemas com obras que estão em ''evidência'' (isto, e o fato de que a resenha seria em vídeo gigantesco, mas na hora de editar, eu acabei perdendo o arquivo. É... sou #Fail). Desde o princípio, confesso que tive um certo ''preconceito'' com Fifty Shades e nunca demonstrei nem um tipo de interesse pela sinopse. Ter ganho ele como uma forma de ''trollação'' de aniversário também não ajudou em nada na sua situação... Mas como eu sou do tipo que acha que ''quem tá na chuva, é para se molhar'', peguei logo ele para ler e fui com sede ao pote tentar desvendar o por quê de tanto alvoroço assim em cima dele.
.
Gostaria muito de dizer que o livro me surpreendeu, que eu achei ele uma verdadeira ode à libertação sexual das mulheres mas... ele não chegou nem perto de ao menos me divertir. Do começo ao fim do livro eu me senti meio enganado e dando voltas e mais voltas sem rumo no mesmo lugar - já que tudo o que eu precisava saber estava na sinopse, e a autora não vai muito além disto. Um estilo bem fan-fic mesmo, daquelas bem amadoras (o que ele era mesmo), mas sem nenhum tipo de trabalho para transformá-lo em algo diferente, com identidade própria.
.
E este detalhe se reflete inteiramente nos personagens. Eles chegam ser caricatos de tão rasos! Tudo bem, nós sabemos que Anna originalmente era Bella e que o Sr. Gray é a versão humana do Edward, mas nem por isso ela precisava ser quatro vezes mais ''sonsa'' que a senhorita Swan e ele não tinha necessidade de ser  mil vezes mais sisudo (e rico) do que o Vampiro - com destaque para o comportamento inconstante dele, que pode variar de autoritário ao extremo para adolescente apaixonado e carente em questão de minutos. Isto sem falar nos figurantes da história, que sempre que surgia um na página, eu já conseguia fazer a conexão com o seu correspondente na Saga Crepúsculo no ato, sem pestanejar, tamanha a ''diferença'' que existe entre eles.
.
Entretanto, se fossem só por estes por menores, acho que até daria para relevar muita coisa na leitura de ''Fifty Shades of Grey''. Mas, no meu ponto de vista, o livro peca até na sua proposta, que é ser um material mais erótico. Não vou negar que, no começo, os encontros entre os dois protagonistas eram interessantes, mas tudo começa a ficar repetitivo e cansativo lá pela metade do volume, e de nada ajuda ter que lidar com diálogos de um filme pornô bem mal produzido entre as descrições. E, acreditem, à partir da 54ª relação carnal entre eles, os momentos pendem mais para o lado hilário da coisa do que o sensual...
.
Mas como não sou uma pessoa tão má assim, é lógico que consegui encontrar um ponto positivo no livro. A escrita de E. L. James é realmente muito fácil e rápida, o que te leva à praticamente devorar as páginas. E não importa se você está com o livro em inglês ou em português, você vai conseguir ler as suas mais de 500 páginas em um tempo record. E é só isto mesmo... 
.
Se você me perguntasse se eu, depois desta minha leitura, consegui entender o por quê de tanto firsson em cima deste livro, eu com certeza diria que não... O material não é novo de nenhuma maneira, e sinceramente acho que deve haver expoentes melhores dentro deste gênero mais ''caliente''. Por um lado, penso que a conexão com a Saga Crepúsculo pode ter uma parcela de culpa, mas ainda sim a causa do sucesso deste livro consegue ser tão obscura quanto o passado do Sr. Grey - característica muito mal explicada, já que eu não tenho certeza se foi um gancho para os próximos volumes ou apenas uma falha da autora mesmo.
.
E nem tenho muitas esperanças quanto ao segundo livro. Já comecei a ler ele, para justamente tentar entender as ''ações'' deste personagem, mas  até agora as coisas continuam no mesmo barco... E no mesmo ritmo. O que só me faz ter mais certeza que, pelo andar da carruagem, eu abandono a tripulação nesta etapa mesmo, e não chego nem no terceiro.
.
Afinal, com certeza deve ter livro melhor ou mais divertido de se ler por aí...
Meus quote favorito:
.
''- Gosto de construir coisas. Gosto de saber como elas são feitas, como elas são construídas e desconstruídas. E eu amo navios. O que eu posso dizer? 
- Isto me parece ser a fala de alguém que entrega o seu coração pela lógica e pelos fatos. 
(...) 
- Possivelmente. Apesar de algumas pessoas lá fora dizerem que eu não tenho um coração. 
- Por quê elas dizem isto? 
- Por que elas me conhecem bem.'' 
Página 11
.
Para ler escutando:
.
Música: S&M (Remix)
Artista: Rihanna feat. Britney Spears
Álbum: Loud (single)
Ano: 2011
.
Sobra a autora:
.
Erika Leonard, mais conhecida pelo pseudônimo EL James (nascida em 1963) , é a autora britânica do best-seller erótico Fifty Shades of Grey. 
.
James começou a escrever fanfiction sob o pseudônimo de "Snowsqueen Icedragon" , e o seu trabalho mais notável é justamente a fanfiction de Crepúsculo denominada ''Master of Universe', que acabou por ser desenvolvido em Fifty Shades of Grey. 
.
James descreveu a trilogia Fifty Shades como "(...) a minha crise de meia idade, em larga escala. Todas as minhas fantasias estão lá, é isso." 
.
Leonard já trabalhou como executiva de televisão. Vive no oeste de Londres com o marido roteirista a mais de 20 anos, Niall Leonard, e seus dois filhos adolescentes.
.
TÍTULO:  Fifty Shades of Grey
SÉRIE: Fifty Shades
PÁGINAS: 518
AUTOR(A):  E L James
EDITORA: Vintage Books
NOTA: 2,5 Estrelas

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...