terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Lista: As Traduções de Títulos Mais Fails

.
A ideia deste post surgiu depois de uma conversa muito doida (e bastante sincera) que eu tive no Twitter com a Evellyn, do blog ''Hey Evellyn''. Baiscamente, nós falávamos sobre como a tradução estranha (mas com boa intenção) do título de um livro e a má produção de uma capa pode estragar uma leitura futura - até mesmo daqueles exemplares que você espera para chegar por aqui à bastante tempo.
.
Partindo desta premissa, nós inventamos de cada um criar um post sobre coisas que nos ''brocham'' na hora de comprar a tradução de um livro... Eu fiquei com os títulos, ela com as capas. Só vale lembrar que esta é a minha opinião como leitor e como fã de livros, e que em nenhum momento eu estou tentando ridicularizar a editora X, ou o tradutor e editor Y. Eu acho!
.
As Traduções Mais Fails de Títulos Internacionais.
.
.
Como Se Livrar De Um Vampiro Apaixonado, de Beth Fantaskey:
.
Vou confessar uma coisa: se eu não tivesse acompanhado todo o processo do lançamento deste livro por aqui, nunca - nem em 100 anos - eu adivinharia que ele na verdade era a tradução de Jessica's Guide To Dating On The Dark Side... A primeira coisa que me passaria pela cabeça, ao ver este livro na livraria, estando eu completamente desavisado, seria ''Ah, mais um desses livros de ''auto-ajuda fake'' para fãs desmioladas de Crepúsculo''. E não é nada disso. Na verdade, ao fazerem esta ''adaptação'', acabaram por desperdiçar toda a força que o título original tinha. Agora, só fico me perguntando qual vai ser a tática da Arqueiro para a tradução de Jessica's Rules The Dark Side. Será que o nome do próximo livro por aqui será Como Governar Um Reino de Vampiros Apaixonados?! Prefiro nem pensar...
.
Quem é Você, Alasca?, de John Green:
.
Outra coisa que tenho que compartilhar aqui (e que acho que vão me jogar pedras) é que eu nunca tive vontade de ler nenhum livro do John Green. Para falar a verdade, todos os livros dele me parecem muito iguais... E eu tenho um pouco de ''pinimba'' com isto (e com outras coisitas mais, mas deixa quieto! =X). O único livro que eu tinha uma certa ''curiosidade'', era o Looking for Alaska - por causa do trocadilho com o estado americano e tal, pois eu sou fã de trocadilhos Fails (vide ''If U Seek Amy''). Mas aí, o que é que a Martin Fontes faz quando lança o livro por aqui? Tira o trocadilho (e ''muda'' o nome da personagem). Resultado: A minha vontade de ler o livro fugiu para o Alasca...
.
Mecânica dos Anjos, de Cassandra Clare:
.
Sério, eu até agora não aceitei que este vai ser o nome oficial de Clockwork Angel por aqui! Justo na série da Cassandra Clare que eu aposto as minhas fichas (vocês devem estar carecas de saber a relação torta que eu tenho com Os Instrumentos Mortais). Simplesmente NÃO faz sentido... Qual é a dificuldade em traduzir o título para Anjo Mecânico?! É, nenhuma! E o pior é que, por causa distos, os outros livros também teram nomes sem sentidos (e feios!) como Mecânica do Príncipe (Tradução no estilo ''Galera'' para Clockwork Prince, segundo volume da série Infernal Devices por aqui... Putz, só agora me lembrei que a série vai se chamar Os Preceitos Infernais. Sabe, eu gosto MUITO de vocês, peeps. Mas neste caso não tem como: Strike Out, Galera, Strike Out!).
.
Olhos de Pantera, de Charlaine Harris:
.
Os títulos dos livros da série das Crônicas da Sookie Stackhouse são um caso a parte... Depois de todas as confusões com a troca de editoras, e o abandono da palavra ''Morte'' (como no original) por ''Vampiros'', e outras coisas mais, parece que a editora Benvirá desencanou de vez e resolveu fazer um Carnaval. Como alguém que abandonou a série (motivos explicados no nosso último ''Eu Recomendo''), eu só  observava o ''samba do criolo doido'' de longe. Mas o auge da minha indignação surgiu quando eles lançaram o quinto livro da série por aqui como Olhos de Pantera... O que não tem nada a ver com Dead As A Doornail (que seria, basicamente, Morto Como Uma Porta - se eles, é claro, tivessem seguido o estilo correto de Morto Até o Anoitecer, o que não foi o caso). Eu nem tenho o que falar sobre este caso. Só me resta esperar que, algum dia, a série seja toda relançada com os títulos corretos!
.
No Fundo do Amor, de Tera Lynn Childs:
.
Então finalmente chegamos ao título que originou toda a discussão que deu a idéia para este post... Se houvesse um prêmio para a ''Tradução Mais Fail de Livro no Brasil de Todos Os Tempos'', com certeza quem levaria o ouro para casa seria No Fundo do Amor. Na verdade, até hoje eu me pergunto: Mas que P#RR@ seria No Fundo do Amor?! A bosta do título nem chega perto de Forgive my Fins, que é o nome do livro lá fora, e que seria ''mais ou menos'' algo como Perdoe-me Pelas Barbatanas (um nome muito bem humorado, por sinal). Eu só fico pensando se tem alguém que realmente compraria um livro com o título de No Fundo do Amor... Por quê, no meu caso, eu perdi o meu interesse total depois desta decepção.
.
E quanto a vocês... Quais foram os títulos de livro MAIS FAILS que vocês já viram na vida?!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...