quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

Resenha: Anjo Mau

''Se apaixonar nunca foi tão fácil... Ou tão Mortal''
.
Com esta frase pra lá de enigmática, somos apresentados à trama principal do romance juvenil de fantasia ''Hush, Hush'', de Becca Fitzpatrick. Deixando de lado os já batidos e estereotipados vampiros & afins, a autora estreante nos faz mergulhar em um novo e misterioso universo (cuja abordagem eu tenho um pouco de ''domínio''), e que tem tudo para ganhar leitores neste ano de 2010: Os Anjos.
.
Logo no começo da história, ficamos conhecendo a narradora Nora Gray, uma típica adolescente americana comum. Dividida entre o cotidiano de sua casa de campo com a mãe e a governanta, os afazeres da escola e no auxílio à amiga Vee nos trabalhos de uma revista virtual, a garota começa a ver o seu pequeno ''mundo pacato'' dar uma verdadeira reviravolta de 365° graus com a inesperada chegada do misterioso Patch Cipriano à sua classe de Biologia - logo se tornando um improvável parceiro de aula, graças às técnicas nada pedagógicas de seu Pofessor/Treinador.
.
Tudo poderia ser considerado algo estremamente normal se não fosse um pequeno detalhe: Nora se vê atraída, e ao mesmo tempo, repelída pelas ações do rapaz. Como se não bastasse, na rasteira da chegada de Patch à sua vida, estranhos acontecimentos começam à por em prova não só a segurança física da garota, como também sua sanidade mental.
.
Em um instigante e irresitível turbilhão de segredos, Nora percebe que sua relação com Patch é algo muito mais profundo do que uma simples atração juvenil. Quanto mais ela e a amiga começam a investigar os ratros do garoto, mais ela percebe que algo assustador se aproxima dela - mostrando sem meias palavras que, entre o Céu e a Terra, existem mais mistérios do que nossos olhos são capazes de enchergar...
.
Desenvolvendo a trama de forma rápida e precisa, Becca Fotzpatrick se mostrou uma agradável surpresa. Logo pelo início do livro, com um prólogo envolvente e arrebatador, a autora mergulha o leitor no universo celestial que criou - misturando lendas sobre os Anjos Caídos e Nephilins com inovações feitas para sua trama com verdadeira maestria.
.
Ao longo das páginas, a cada segredo descoberto pela protagonista, nós nos encontramos mais arraigados ao enredo - devorando páginas à fio só para encontrar a Grande Revelação. Repleto de reviravoltas e bruscas guinadas, o livro nos prende de tal forma que não conseguimos ver as horas se passarem. O romance de Nora e Patch é narrado de uma forma tão fácil e gostosa de se ler, e se desenrola de uma forma tão irreverente e, ao mesmo tempo, aterradora que não sabemos o que esperar do final até realmente chegarmos lá.
.
Repleto de personagens carismáticos e uma trama envolvente, ''Hush, Hush'' tem tudo para se tornar um grande sucesso literário. Para alegria dos fãs brazuca, a Editora Intrínseca (responsável por trazer ao país os fenômenos ''Crepúsculo'' e ''Percy Jackson & os Olimpíanos'') prometeu lançar ainda esse semestre a tradução oficial do livro - mantendo a incrível capa e o título original.
.
E para quem (assim como eu) já foi inteiramente fisgado pela irresitível e assustadora relação de Nora e Patch, outra boa notícia é o lançameto de ''Crescendo'' - sequela dos acontecimentos de ''Hush, Hush'' - em outubro deste ano.
.
Afinal, como a própria sinopse antevia, se apaixonar pela saga narrada em ''Hush, Hush'' nunca foi tão fácil!
.
ps: Uma curiosidade sobre o título do livro... Em uma entrevista, a autora Becca Fitzpatrick relatou que encontrou o nome da história em meio à uma busca no dicionário! Quando ela descobriu que ''Hush'' poderia ser interpretado também como ''ocultar'', logo ela pensou que a palavra era perfeita para descrever a personalidade misteriosa de Patch. Porém, para não deixar o título tão simples e causar mais impacto, ela acresentou outro ''Hush'' à frase.
.
TÍTULO: Hush, Hush
AUTOR(A): Becca Fitzpatrick
EDITORA: Simon Pulse
NOTA: 9,5

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...