.

domingo, 26 de julho de 2015

Resenha: A Traição de Natalie Hargrove

.
''Na Minha Estante'' Assegura: A resenha a seguir está completamente livre de Spoilers... Leia sem Moderação e divirta-se!
.
Sinopse:
.
O romance "A traição de Natalie Hargrove" é um drama contemporâneo, inspirado no clássico de Shakespeare, Macbeth. Natalie mataria por uma chance de ser coroada a rainha do baile de Palmetto High. Mas Mike King, seu namorado, não parece tão empolgado para ser rei, e pode perder essa honra para o maior inimigo de Natalie, o irritante Justin Balmer. 
.
Determinada a impedir que isso aconteça, ela tem uma ideia de um trote perfeito para colocar Justin em seu devido lugar, e convence Mike a ajudá-la. Aproveitando que Justin estava bêbado e vestido de mulher após uma festa à fantasia, eles o amarram inconsciente no presépio da igreja. Tudo parece muito engraçado, até a manhã seguinte, quando percebem que Justin está morto. E a partir daí, eles se envolvem numa perigosa trama para esconder seu segredo.
.
O que eu achei?
.
Arrebatado. Por mais incrível que pareça (e acreditem em mim, estou realmente surpreso com isto), é este o sentimento que consigo canalizar e externar ao finalizar a minha leitura de "A Traição de Natalie Hargrove". Este foi o primeiro livro escrito e publicado por Lauren Kate, e quem me conhece sabe que não sou um fã de sua saga mais famosa (muito pelo contrário). Entretanto, algo me impeliu a dar uma segunda chance para a autora... Foi como um ímpeto. Mesmo que, no momento em que fiz a solicitação do romance para a Galera, eu já estivesse lendo o último livro de "Fallen" (e tendo infinitos problemas com ele, como disse na resenha), acabei solicitando o lançamento para a Galera. E, neste exato momento, estou muito feliz por ter sido iluminado pelo impulso naquele instante.
.

Resenha: Em Busca de Cinderela.

.
''Na Minha Estante'' Assegura: A resenha a seguir está completamente livre de Spoilers... Leia sem Moderação e divirta-se!
.
Sinopse:
.
Neste conto da bem-sucedida série Hopeless, o leitor conhecerá melhor dois personagens secundários de "Um caso perdido". Daniel está no breu do armário de vassouras da escola – o perfeito esconderijo para quem quer fugir do mundo real –, quando uma garota literalmente cai em cima dele. Às cegas, os dois vivem um curto romance, mesmo sem acreditar muito no amor. No fim a garota foge, como se realmente fosse a Cinderela e tivesse uma carruagem prestes a virar abóbora. 
.
Um ano depois, Daniel e sua princesa se reencontram, e percebem que é possível nutrir um amor de conto de fadas por alguém completamente real. Juntos, os dois irão perceber que fora do faz de conta, ficar juntos é bem mais difícil e os problemas de um casal são muito reais.
.
O que eu achei?
.
Se você já me conhece, sabe o quão inconstante é a minha relação com os livros da Colleen Hoover. Eu gostaria dizer de verdade que amo todos eles, mas as coisas não são bem desta maneira. Alguns eu acho "ok", outros eu acho "desnecessários", e outros eu sinto vontade de arrancar a cabeça do protagonista fora e jogá-la em um triturador de lixo (leia-se: Holder em "Sem Esperança"). Mas, por falar em Holder, ironicamente é justo na série dele com a Sky que se encontra o meu livro favorito da autora: Em Busca de Cinderela. O volume na verdade é uma história extra, com pouco mais de 150 páginas. Mesmo assim, a narrativa me pegou logo nas primeiras linhas do primeiro capítulo.
.

domingo, 19 de julho de 2015

Coluna: Book Haul [Junho 2015]

.
O Book Haul é uma postagem originada da antiga coluna do blog ''Meu Carrinho'' - um vídeo-post inspirado no meme ''Minha Caixa de Correio'', do blog literário ''The Story Siren'', onde eu comento um pouco sobre as minhas compras literárias, e o que achei de cada uma delas. 
.
Clique no player abaixo para assistir:
.
     

sábado, 18 de julho de 2015

Resenha: Rapture [Fallen #4]

.
''Na Minha Estante'' Assegura: A resenha a seguir está completamente livre de Spoilers... Leia sem Moderação e divirta-se!
.
Sinopse:
.
No quarto e último aguardado livro da série Fallen, Luce e Daniel estão juntos e parece que nada mais vai separá-los. O problema é que o destino amaldiçoado de uma mortal e de um anjo caído promete surpresas. O céu está escuro com asas… Como a areia numa ampulheta, o tempo está se esgotando para Luce e Daniel. Para parar Lúcifer de apagar o passado eles devem encontrar o luga onde os anjos caíram na terra. 
.
Forças sombrias estão atrás deles, e Daniel não sabe se consegue fazer isso—viver só para perder Luce uma vez e mais outra. No entanto, juntos, eles enfrentarão uma batalha épica que deixará corpos sem vida… e poeira de anjos. Grandes sacrifícios são feitos. Corações são destruídos. E de repente, Luce sabe o que deve acontecer.
.
O que eu achei?
.
Geralmente, se despedir de uma série é um momento agridoce: Ficamos realizados por finalmente completar um ciclo, e tristes por ter que quebrar o vínculo que criamos com os personagens no decorrer de cada volume. Com "Fallen", da americana Lauren Kate, a situação não poderia ter sido mais diferente. A única coisa que senti ao chegar na página final de "Rapture" - o quinto e último episódio da saga sobrenatural - foi uma poderosa sensação de alívio... Alívio por finalmente ter lido um livro que estava preso na minha estante à uns três anos, e alívio por ter dado oportunidade, episódio a episódio, da autora me mostrar de verdade para o quê veio. De ter feito de tudo ao meu alcance para tentar gostar da história (mesmo que, no final, o saldo tenha sido mais negativo do que positivo).
.

Resenha: Aluga-se Um Noivo

.
''Na Minha Estante'' Assegura: A resenha a seguir está completamente livre de Spoilers... Leia sem Moderação e divirta-se!
.
Sinopse:
.
Nada poderia ter afetado tanto Débora Albuquerque, quanto ter de enfrentar seu ex-namorado, João, como padrinho de casamento de seu irmão. Como se não bastasse, acompanhado por sua nova namorada, ninguém menos que Letícia, a quem Débora um dia chamou de amiga. 
.
A situação já parecia bastante ruim, quando Débora teve a brilhante ideia de surgir na festa, muito bem acompanhada. Para tanto, acordou com um garoto de programa, Théo, para que fizesse a vez de namorado e juntos seriam o casal mais feliz do Mundo. Por sorte, ou não, a inseparável melhor amiga de Débora, Carol, resolveu dar uma mãozinha e o que antes era uma loucura, tornou-se algo mais complicado que nunca, de namorado a noivo, num piscar de olhos. 
.
Débora, carioca, balzaquiana, estava disposta a pagar o quanto fosse para não aparecer sozinha na festa. Théo seria o namorado ideal, lindo, sofisticado, com sotaque italiano e extremamente sedutor. O plano era perfeito, mas Débora se apaixonou.
.
O que eu achei?
.
Para quem me conhece, sabe o quanto a minha relação com livros do gênero erótico é difícil... Para falar a verdade, acho que estou até sendo bastante eufemista. Definitivamente, posso contar nos dedos das mãos quantos foram os exemplos que realmente me agradaram. Na maioria das vezes, eu nunca consigo levar as histórias à sério. Os protagonistas sempre estão atrelados aos esteriótipos da mocinha virginal e do mocinho cheio da grana e que - em boa parte da história - é um canalha. Isto para não falar na necessidade quase que doentia das autoras levarem a história à sério (o que, em boa parte dos casos, NUNCA dá certo). Mesmo assim, continuo buscando pela agulha perdida no palheiro. E, felizmente, "Aluga-se Um Noivo" foi um dos raros casos em que me diverti lendo um livro do estilo.
.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...